Nova Delpri | O que você precisa saber antes de comprar Peça Estampada de Aço
17941
post-template-default,single,single-post,postid-17941,single-format-standard,wpusb-position-fixed-active,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-9.2,wpb-js-composer js-comp-ver-4.11.2.1,vc_responsive

O que você precisa saber antes de comprar Peça Estampada de Aço

O que você precisa saber antes de comprar Peça Estampada de Aço

 

 

 

Somente no Estado de São Paulo existem mais de 10.000 empresas Metalúrgicas (Fonte: Jucesp), diante desse fato o que as empresas metalúrgicas estão fazendo para ajudar seus clientes com tanta oferta?

 

Peças estampadas são utilizadas em vários segmentos: automobilístico, moveleiro, linha branca, automação, Construção e etc. O processo de estampagem é dar forma, transformando matéria prima bruta em um produto com formas e geometrias especificadas, através da força aplicada por uma Prensa.

Os materiais podem ser: aço carbono, alumínio, inox, cobre e entre outros. Para cada material existem parâmetros químicos e mecânicos. Uma família de materiais por exemplo de aço carbono, possui diversas composições e dessa forma o setor de suprimentos das empresas podem ter dúvidas na aquisição dos insumos ou por alguma divergência de comunicação, a engenharia não tenha realizado uma correta BOM (Bill of Material) no desenvolvimento.

A escolha do material impacta diretamente o preço e a qualidade da matéria prima, descarregando esses fatores na composição de custos do produto.
Por experiência a Nova Delpri possui uma célula de engenharia de produto que atua em parceria com os engenheiros de produto e de qualidade das empresas, estudando o melhor material conforme a aplicação do produto, respeitando sempre os requisitos técnicos e realizando diversos testes de ensaio, try-out e simulações de viabilidade perante o material escolhido e dessa forma chegar a um cenário adequado para a confecção do item.

Outro ponto importante sobre peça estampada são as ferramentas / estampo / molde para a fabricação. Para cada utilidade do produto final existe um ferramental mais adequado. Pode variar conforme a aplicação do produto (cliente final/consumidor) e o volume de peças a serem a fabricadas. A vida útil de uma ferramenta precisa garantir produtividade no processo, custo baixo de operação e setup e acompanhamento de ciclo do produto. Vislumbramos cenários de payback dos ferramentais já nos primeiros meses de fabricação dos estampados.

Quanto aos preços, talvez esse seja o detalhe mais importante, no Brasil possuímos poucas fontes Siderúrgicas. A commoditie (aço) sofre com a flutuação do dolar, intervenções do governo, negociação entre siderúrgica e montadora ou outras grandes indústrias e até mesmo mal resultado em bolsa de valores. Em média, anualmente o Aço Carbono sofre reajuste de 13%.

Contamos com ferramenteiros e projetistas com alto know-how obtido através do tempo de atuação. Tão importante quanto a Tecnologia de ponta aplicada no processo é possuir o conhecimento de materiais aplicados, comportamento de ferramental, tolerâncias, estampo progressivo e as premissas técnicas do cliente faz com que a empresa possa auxiliar o cliente e evitar riscos não apontados durante o desenvolvimento de um produto.

Para compreender melhor o processo de fabricação e produção entre em contato. Temos mais de 20 anos de experiência no segmento de peças estampadas e ferramentaria de corte, dobra e repuxo.

 

 

COMPARTILHE
No Comments

Post A Comment